6 Artistas que retratam a magia da Chapada dos Veadeiros em suas obras.


A Chapada dos Veadeiros é sem dúvida um lugar inspirador, não é à toa que tantos artistas de diversas áreas buscam Veadeiros como fonte de inspiração para suas obras. Listamos aqui 6 dos artistas plásticos que encantam ainda mais a Chapada com suas artes.

Cris Maia

Ao Chegar em Alto Paraíso você irá se deparar com várias obras vibrantes expostas em diferentes estabelecimentos da região, as artes repletas de cores formas e magia misturam a realidade de Veadeiros com um mundo mágico de autoria da artista. As artes de Cris Maia podem ser encontradas em seu ateliê, Ateliê Preguiça, na avenida principal de Alto Paraíso.

"Expressões que impressionam, essa é a tônica de seu trabalho, enchendo de emoção e cor os olhos de quem contempla sua arte, alegre e coloridíssima. Cris Maia convida a vida real a entrar na magia. Ela se inspira na natureza de sua gênese e vive o cerrado da Chapada dos Veadeiros onde habita há mais de dez anos."






Luz Guevara

Artista-Terapeuta, nascida na Patagônia Argentina. Mora a 3 anos em Alto Paraíso vivenciando a Arte e a Cura da Chapada dos Veadeiros. Formada em “Muralismo e Arte Público Monumental” na Faculdade de Belas Artes em La Plata, Buenos Aires. Decidiu fechar o ciclo dos estudos e viajar para poder vivenciar a arte fora dos livros e das teorias, peregrina e amante da natureza, viaja pelo Brasil, Tatuando, Pintando, Ilustrando, e colorindo os caminhos por onde passa.








Moacir Arte Bruta

Artesão enigmático, Moacir Faria se empenha na criação de um universo próprio, no qual figuras sagradas e profanas convivem entremeadas por seres humanos, animais, flores e sexo. A arte de Moacir integra, desde o início, a identidade visual do Encontro de Culturas, trabalho pelo qual recebe direitos autorais. Ele começou a pintar aos sete anos de idade, usando carvão e caixas de papelão, lápis e papel.

Vindo de família humilde, Moacir não aprendeu a ler nem escrever. Nasceu em São Jorge, na região da Chapada dos Veadeiros, na época dos garimpos, em meados da década de 1960. É filho de Seu Domingos Farias, antigo garimpeiro do povoado, falecido em 2010, e Dona Maria Odúlia.





Marcos Brasil

Artista plástico e artista gráfico. Nascido no Paraná, viveu maior parte do tempo em São Paulo, Bahia e Pernambuco, cansado da correria das grande cidades, escolheu o "coração do Brasil" como lar, em Goiás na Chapada dos Veadeiros. A beleza da região encantou o artista, apaixonado pelo cerrado e sabedor da sua importância, se dedicou a pintar as belezas naturais desse importante bioma.








Otoniel Fernandes

Natural do Ceará. Desde menino apegou-se às paisagens do litoral e do sertão cearense, onde o olhar do Artista começou a tomar vida e rumo, convivendo desde cedo com sertanejos e jangadeiros. Talvez seja daí o seu grande talento para retratar o Brasil e seu povo em suas milhares de telas.

Adepto à pintura ao ar livre utiliza a técnica a óleo, seus trabalhos são marcados pela preciosidade do momento, intensa luminosidade e o vigor das cores, que resultam numa plástica sóbria e refinada. O artista apaixonou-se pela chapada e viaja pela região pintando as mais belas paisagens do coração Brasileiro.






Wés Gama

Ilustrador e grafiteiro, Wés Gama tem identidade e estilo muito próprio e inconfundível, pintou em edições do Morar Mais e da Casa Cor entre outras exposições e projetos artpistico. Em 2011, decidiu morar em Alto Paraíso a fim de se dedicar a projetos pessoais. Residindo na chapada, conseguiu retratar a região através de vários murais realizados com investimento próprio e privado. Em julho de 2012, participou da residência artística do encontro de culturas de São Jorge e, em parceria com Mateus Dutra, deixou no cemitério da pequena vila um mural de 120 metros de tinta e cerrado.









Além de maravilhas naturais, a Chapada é repleta de arte e beleza!


2,685 views

DESTAQUES

Assine a nossa newsletter