Confira algumas espécies da Fauna do Cerrado que você poderá encontrar quando visitar a Chapada dos


A Chapada é o recanto de várias espécies do Cerrado Brasileiro. Aqui listamos para você alguns dos animais mais prováveis de se encontrar quando visitar essa região encantada. Cruzar com esses animais gera ainda mais admiração pela beleza do Cerrado.

Arara Canindé

A arara é uma das espécies emblemáticas do Cerrado Brasileiro e figura importante para diversas comunidades indígenas, que mantêm referências mitológicas relacionadas à ela. A Arara Canindé é uma ave de grande porte, e pode atingir comprimentos de até 85 centímetros (do bico à extremidade das penas do rabo). A expectativa de vida é 60 anos ou mais, desde que seja mantida em condições adequadas. É impossível não notá-la, seja por suas cores, seja pelo seu "grito" - que ecoa forte nos céus da Chapada. Não raras vezes pode ser avistada em meio à cidade de Alto Paraíso.



Tucanos

Poucos sabem, mas existem dezenas de espécies de "tucanos". O mais conhecido entre eles é o Tucanuçu ou "Tucano-grande", que, assim como o próprio nome indica, é o maior entre as aves dessa família, com 56 centímetros de comprimento e pesando aproximadamente 540 gramas. Pode ser encontrado na Amazônia, Paraguai, Bolívia e Argentina. No Brasil, habita principalmente o cerrado e a Mata Atlântica. Possui um enorme bico alaranjado (cerca de 20 centímetros) com uma mancha preta na ponta. Sua plumagem é negra, com o papo e o uropígio brancos, a área ao redor dos olhos laranja e as pálpebras são azuis.


Outra belíssima espécie de tucano é o Araçari-castanho, que apesar de não ser tão comum quanto seu irmão de bico alaranjado, é bem amigável e pode facilmente ser avistado no entorno da cidade.


Seriema

A ave, típica do Cerrado Brasileiro, pode chegar à 90 centímetros de comprimento (da ponta do bico ao fim da cauda) e pesar em média 1,4 kg, Tem no canto a sua principal característica. É o canto mais conhecido do Cerrado, podendo ser ouvido a mais de um quilômetro de distância. No campo, ouvir o canto da Seriema é chuva na certa.



Veado Campeiro

O Veado-Campeiro é uma das espécies de cervídeos que ocorrem no Brasil, principalmente em grandes áreas de campos. Presente desde o sul da Amazônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais, chegando também ao Rio Grande do Sul. Em quaisquer das suas áreas de ocorrência, as populações estão isoladas e em declínio. Sua altura varia de 1,20m a 1,45 m, pesando de 30 a 40 kg. O comprimento do corpo com a cabeça varia de 1,1m a 1,3 m, e a cauda vai de 10cm a 15 cm. *A espécie está ameaçada de extinção, principalmente pela destruição do habitat e caça ilegal e indiscriminada.


Tamanduá Bandeira

È um animal de aspecto bem diferente, solitário, pacífico e cauteloso que costuma caçar tanto durante o dia como durante a noite. O tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla), também conhecido como papa-formigas, é um mamífero quadrúpede e desdentado pertencente à família Myrmecophagidae e à ordem Xenarthra.


Papagaio

Os papagaios do gênero Amazona são aves de médio porte e robustas. Têm cabeças grandes, asas largas e arredondadas. A cauda é curta, de formato arredondado ou quadrado. O bico é robusto, típico dos psitacídeos e a área em torno do olho é desprovida de penas. A plumagem é variável de acordo com a espécie, mas o verde predomina em todas.


O Cerrado é o lar de centenas de espécies de animais e depende de nosso cuidado para ser preservado. Compartilhar essas imagens é uma forma de abrir nosso olhar para a beleza que há neste lugar sagrado e nos sensibilizar à cuidar da casa dos nossos belos irmãos, que também é nossa!

#ChapadadosVeadeiros #AraraCanindé #ParqueNacional #Fauna #CerradoBrasileiro

1,635 views

DESTAQUES

Assine a nossa newsletter